sexta-feira, 11 de junho de 2010

Alinne



Anjo de vestes negras e olhos lânguidos
Linda como a noite
Intensa como as paixões
Nefasto é teu silêncio
Nela eu vi a amizade de toda a
Eternidade

(Por Aneshka)

Nenhum comentário: